Fotografe sua família!

Olá amigos.

Hoje foi a minha amiga Ana Paula que me inspirou a fazer este post para vocês. O título faz referência a um livro da National Geographic que eu sempre quis ter e até agora não comprei. É baratinho até, 50 pila na Livraria Nobel.

(dica: meu aniversário é em janeiro, quem quiser me presentear rsrsrs).

Enfim, todo mundo deve saber (porque eu me orgulho bastante do fato e saio falando por aí) que eu venho de uma família de fotógrafos. Pai e avô, principalmente. Embora muitos dos meus tios – irmãos do meu pai – já se aventuraram na arte, obtendo resultados muito bons.

Dou um valor ABSURDO para fotos de família. É simplesmente impressionante como essas imagens ganham valor com o tempo e contam a história das pessoas de maneira única.

Me sinto privilegiada por ter tantos registros bons e resolvi compartilhar com vocês algumas das grandes imagens registradas pela Família Nunes, mas me atendo à temática Fotografia Infantil.

Como meu avô mal lembra o próprio nome (hahaha, maldade) ele jamais saberia dizer quais as câmeras usadas para capturar as imagens. Mas nas fotos do meu pai eu consigo dizer uma ou outra coisa.

Contei com a ajuda da minha mãe para lembrar das datas. Espero que vocês gostem.

Continuar lendo

Entrevista com Huaíne Nunes. Redes Sociais e a Fotografia.

Olha que metidinha que eu sou hehehe.

Há um tempo atrás, concedi uma entrevista para a jornalista cearense Beatriz Jucá. Eu e outros fotógrafos, como o Maciel Bezerra e a Natalia Kataoka conversamos um pouco sobre a importância das redes sociais para entrar no mercado fotográfico.

Resolvi disponibilizar para vocês a minha entrevista na íntegra (primeira mão hein rs), assim vocês passam a conhecer um pouquinho mais do meu trabalho e o que penso sobre essa coisa toda de internet.

Lá vai:

1. Como iniciou contato com a fotografia?

Comecei aos 10 anos de idade, quando ganhei uma compacta de visor direto. Gastei alguns rolos de filme e abandonei. Aos 16 voltei com força total, aprendendo a teoria de verdade, usando uma reflex de filme. Comecei a juntar meu dinheirinho, até que finalmente, aos 19 consegui comprar minha DSLR e engatar na fotografia. Continuar lendo

Livro: Tamara Lackey – A Arte de Fotografar Crianças

Há tempos estava planejando escrever para vocês sobre este maravilhoso livro (que eu vinha paquerando há um tempão).

O pessoal do Fotografia-DG, em parceria com a Editora Photos, resolveu gentilmente me presentear com horas de leitura educativa, ao me enviar este livro.

O livro A Arte de Fotografar Crianças, da fotógrafa Tamara Lackey, tem tudo que eu gostaria de ler sobre este assunto [fotografia infantil] e muito mais.

Na tradução brasileira, o livro é distruibuído pela Editora Photos. Custa R$89,00.

Vocês podem folhear as primeiras páginas do livro aqui. O legal é poder ver todo o índice. Foi isso que me deixou decidida a lê-lo, porque era notável o quanto o conteúdo é excelente.

Há também um DVD sobre o trabalho da Tamara, que eu adoraria ter, mas ainda não está a venda no Brasil. Chama Inside Contemporary Children’s Photography e custa a bagatela de U$199,00.

Ainda assim, para nós meros mortais, há o teaser do dvd, que já é inspirador o suficiente (imagina o dvd inteiro, rs).

Continuar lendo

DIY! Faça você mesmo: Rebatedor para flash externo.

Olá pessoal, como estão?

Hoje nós vamos aprender a fazer rebatedores para flash externo, usando algumas ferramentas caseiras.

Faremos dois modelos, um de cartolina e outro de EVA.

Rebatedores para flash são muito úteis, pois aumentam a área de luz, deixando-a mais difusa e homogênea. Para retratos são uma mão-na-roda.

Você vai precisar de: cartolina branca, elástico de dinheiro, fita adesiva (preferencia dupla-face), silvertape, estilete ou tesoura, uma folha de E.V.A. e velcro.

Continuar lendo

Boas novas.

Olá queridos amigos fotógrafos.

É com grande prazer que anuncio meu novo projeto. Fui convidada para ser colunista do blog Fotografia DG. Vejam que honra!

Eu já havia enviado alguns artigos meus – daqui do blog mesmo – para a extensão do blog deles, o Foto-Link, que reúne os melhores artigos de fotografia da internet, tudo num só lugar. Aliás, muito prático, fiquei horas ali só vendo os textos dos feras.

O pessoal responsável leu os artigos aqui no blog, gostou do que viu e me convidou para fazer parte da equipe. É claro que aceitei sem pensar duas vezes!

Estou muito empolgada com o novo projeto, mas isso não significa que deixarei de atualizar o nosso blog com dicas de fotografia infantil, na mesma frequência que antes.

O legal de escrever para o Fotografia-DG, é que poderei falar sobre outras áreas da fotografia, não só a parte infantil.

Já enviei meu primeiro artigo, sobre fotografia noturna. Já está no ar e vocês podem conferí-lo aqui:

O segredo das fotografias noturnas, por Huaíne Nunes.

Espero que gostem. Não deixem de ler as outras postagens, dos outros colaboradores. Tem muuuito conteúdo bacana e educativo ali.

Grande abraço a todos.

Edit: Ganhei até um perfil como autora, vejam que chique!!!